sábado, 3 de janeiro de 2015

BioCryst recebe a Designação de Medicamento Órfão para BCX4161



Descoberto por BioCryst, BCX4161 é um inibidor da kallikreina em desenvolvimento, de uso oral, para prevenção de crises em pacientes com AEH. Ao inibir a calicreína do plasma, BCX4161 suprime a produção de bradicinina. A bradicinina é o mediador de crises de edema agudo em pacientes com AEH.
Esta designação fornece alguns incentivos, incluindo subsídios federais, créditos fiscais , dispensa de taxas do processo PDUFA e um período de exclusividade de comercialização de sete anos contra a concorrência, uma vez que o produto é aprovado.

Acesse:
http://investor.shareholder.com/biocryst/ReleaseDetail.cfm?ReleaseID=888899



segunda-feira, 15 de dezembro de 2014

Stand da abranghe em WISC 2014 - Rio de Janeiro de 06 a 09 de dezembro de 2014

Participação da abranghe em stand de divulgação, com poster, cartazes e folhetos. Foram mais de trinta médicos registrados para atendimento de AEH no Brasil. 






 






Reunião de Pacientes dia 29 de novembro de 2014 em Porto Alegre

Primeira reunião de pacientes realizada em Porto Alegre - RS com a presença de 25 participantes, entre eles, três médicos





Reunião de Pacientes dia 11 de dezembro de 2014 no Rio de Janeiro - Fotos

A participação foi de 43 pessoas entre médicos, dentistas, enfermeiras, pacientes, familiares e representantes da abranghe e AFAG






domingo, 30 de novembro de 2014

Resultado da Pesquisa


Resultado da pesquisa elaborada pela abranghe envolvendo 179 pacientes. Nosso agradecimento a todos.

    96,5% dos pacientes tinham o cartão de identificação em mãos. 
Aqueles que perderam ou foram roubados, entrem em contato.

  


De acordo com os comentários, os planos de saúde mais utilizados são:
- Unimed – 41,73%
- Bradesco  - 7,82%
    - Sul América – 7,82
- Amil – 6,08%
- Outros – 36,55%

A grande maioria dos pacientes não sabe o tipo de AEH, portanto, não podemos afirmar que o tipo III é o tipo mais comum, como registrado nesta pesquisa. 

Conforme novo consenso, o AEH agora é dividido apenas em :
                           - com deficiência de inibidor de C1 – tipos I e II
                           - sem deficiência de inibidor de C1 – tipo III e outras mutações


16,20% dos pacientes não tomam nenhum medicamento de controle
 7,26% só na crise 
  3,35% tomam medicamentos não  indicados para AEH.  
Um paciente comenta que nenhum medicamento resolve

A resposta NÃO indica o paciente que não fez a solicitação judicial, 
de acordo com os comentários.